Portais e Sistemas

Portal da Transparência da Controladoria Geral da União: 

"Lançado em novembro de 2004, para assegurar a boa e correta aplicação dos recursos públicos. O objetivo é aumentar a transparência da gestão pública, permitindo que o cidadão acompanhe como o dinheiro público está sendo utilizado e ajude a fiscalizar. O Governo brasileiro acredita que a transparência é o melhor antídoto contra corrupção, dado que ela é mais um mecanismo indutor de que os gestores públicos ajam com responsabilidade e permite que a sociedade, com informações, colabore com o controle das ações de seus governantes, no intuito de checar se os recursos públicos estão sendo usados como deveriam.". (website do Portal da Transparência, 2012)

Plataforma Capacidadesdo Programa Nacional de Capacitação das Cidades Ministério das Cidades:

"A necessidade de aprofundamento do processo democrático torna imprescindível a incorporação de todos os agentes sociais no processo de construção de uma política urbana democrática e descentralizada, integrada e eficiente. Nesse contexto, a capacitação de agentes públicos e sociais para as políticas públicas urbanas integradas constitui uma das tarefas mais importantes do Ministério das Cidades no processo de promoção do Direito à Cidade e da inclusão social. Dessa forma, e tendo entre seus princípios e eixos de atuação a construção da igualdade e a melhoria da qualidade de vida nas cidades brasileiras, o Ministério das Cidades, por meio do Programa Nacional de Capacitação das Cidades - PNCC promove, coordena e apóia programas de desenvolvimento institucional e de capacitação técnica que tenham como objetivo não apenas atender requisitos de eficácia e eficiência na execução de programas e projetos, mas, principalmente, colaborar na construção de uma cidade democrática e com justiça social."  (website do Portal Capacidades, 2012)

Portal dos Convênios do Governo Federal - Seção Acesso Livre, do Ministério de Planejamento, Orçamento e Gestão: 

"O Portal de Convênios do Governo Federal desburocratiza e traz mais transparência ao repasse de recursos voluntários da União para estados, municípios e Organizações Não - Governamentais. A partir de 1º de setembro de 2008, todos os atos de credenciamento, celebração, alteração, liberação de recursos, acompanhamento da execução do projeto e a prestação de contas somente podem ser viabilizados através da Internet. Por meio do endereço www.convenios.gov.br, a sociedade pode acompanhar a execução dos contratos pela Internet e verificar a aplicação dos recursos públicos."(website do Ministério do Planejamento, 2012)

Compartilhe este artigo